fbpx

LPF é a nova técnica de exercício abdominal que deixa a cintura fina e a barriga torneada

Low Pressure Fitness

Técnica é mundialmente conhecida como “barriga negativa” pelos resultados expressivos de redução de medidas, mas seus ganhos vão muito além da estética.

Com o objetivo de operar uma reprogramação postural, o LPF (Low Pressure Fitness) trabalha os músculos internos deixando a cintura fina e a barriga torneada. É mundialmente conhecida como “barriga negativa” pelos resultados expressivos de redução de medidas, mas seus ganhos vão muito além da estética.

O Low Pressure Fitness é um método diferente de todos os treinamentos. Uma ciência revolucionária e com resultados surpreendentes capaz de melhorar a saúde, principalmente das mulheres, acelerando a recuperação pós-parto e tonificando o assoalho pélvico, além de controlar os problemas de incontinência urinária.

Os movimentos são originários do Yoga, os Bandhas, realizados em três níveis e com objetivos finais diferentes do LP, além de serem realizadas em jejum.

Durante a execução do Low Pressure Fitness, a pessoa faz uma apneia expiratória, com a abertura das costelas, sucção abdominal e elevação do diafragma, o que causa o levantamento dos órgãos internos através da tração dos pilares do diafragma. Assim, todo grupo muscular é contraído involuntariamente e ganha tônus de repouso ao longo da prática.

Essa ativação do tônus promove a redução da cintura, melhora a postura e gera ativação do assoalho pélvico, ligado diretamente a incontinência urinária e desempenho sexual, além da melhora na capacidade respiratória.

A perda de medidas com o LPF não tem nada a ver com a redução de gordura. É preciso deixar claro que a técnica não emagrece, mas quando associada a tratamentos estéticos e dieta, auxilia de forma efetiva na redução de medidas.

A melhora na postura, diminuição de dores lombares, ativação do metabolismo basal e da circulação também são benefícios da LPF que merece precaução na prática de gestantes e hipertensos. Atua de forma eficiente na melhora da diástase abdominal e tem resultados efetivos no aumento da capacidade cardio respiratória, assim como na ansiedade e estresse.

Outros Benefícios

Aumenta o metabolismo basal, melhora o fluxo linfático, o que auxilia na melhora de vascularização do corpo, ativa o processo de digestão, fazendo uma limpeza, através da pressão que o diafragma gera sobre os intestinos e, um dos principais benefícios terapêuticos, é sobre a melhora da capacidade respiratória. Dessa maneira, as pessoas conseguem melhorar a ansiedade, concentração e desempenho nas atividades.

Contraindicação

Pacientes hipertensos não devem praticar o low pressure fitness, pois a apneia gera aumento da pressão, mesmo que em segundos. Caso seja um paciente, controlado, os movimentos podem ser realizados de forma progressiva.

Gestantes também podem ter contraindicações, porém em uma gestação saudável, a técnica pode ser realizada, desde que acompanhada, já que todos os benefícios como a melhora da postura, ativação do tônus, tanto na postura quanto para uma prevenção de incontinência urinária, serão benéficas para a gestante, pois a mesma terá uma pressão intra abdominal grande sobre todos os órgãos.

Se a técnica não for realizada de maneira correta pode acarretar lesões, pois ao invés de ativar o tônus você gera força, não sendo indicado para esse grupo muscular.
Outra questão é se o praticante manter por muito tempo a apneia expiratória, gerando um grande aumento da pressão sanguínea, fazendo com que ele desmaie. Sendo assim, a recomendação é sempre fazer a prática com a orientação de um profissional.

Para saber mais sobre o Low Pressure Fitness ou agendar uma aula experimental, entre em contato conosco pelo chat no canto da sua tela ou pelo whatsapp clicando aqui.